Promoção de cargo na empresa: quando aceitar esse desafio


vivo seu dinheiro

Entrevista de Francis Nakada, Consultor de Carreira Sênior da Produtive, publicada no Portal Vivo Seu Dinheiro em 27 de maio:

O país em crise, o desemprego em alta e, de repente, você é surpreendido com um convite para promoção de cargo na empresa. A função, porém, não era bem o que você esperava ou é o salário que não se mostra compatível com o cargo. O que fazer?

Como avaliar a promoção de cargo na empresa

O consultor de carreira sênior Francis Nakada, da Produtive Carreira e Conexões com o Mercado, dá sete dicas para que o colaborador possa avaliar melhor se aceita ou não a proposta de promoção de cargo na empresa.

1. Pense no projeto de carreira

A promoção, antes de mais nada, deve estar alinhada ao projeto de carreira estabelecido. Ou seja, precisa ir ao encontro dos objetivos e do desenvolvimento profissional para que o colaborador possa dar sequência à evolução de sua carreira.

2. Não espere: batalhe pela promoção

É importante que o profissional também trabalhe em prol de sua promoção, pleiteando áreas de interesse e conversando com o seu gestor direto sobre suas perspectivas, a fim de construir alianças que o impulsionem para o crescimento.

3. Avalie o que vem na carona

Também é importante avaliar o projeto como um todo – e não apenas uma parte dele. É preciso refletir sobre os desafios do novo cargo, a remuneração, o pacote de benefícios, entre outros itens.

4. Atualização em carteira e no currículo

Aqui temos a velha discussão associada ao que é de fato e de direito. A carteira de trabalho deve ser atualizada se a promoção for confirmada. Como isso nem sempre acontece, verifique antes.

É importante também que o profissional sinalize no seu currículo a data de permanência em determinada função e, havendo a promoção, estabeleça um novo corte que contemple o desafio assumido.

5. Dinheiro não é determinante

Não vale a pena aceitar a promoção quando se pensa somente no aspecto financeiro. Avaliar apenas nos ganhos, sem considerar outras questões, acaba por tornar esse tipo de reflexão muito simples, muito rasa.

6. Reflita sobre sua preparação

A promoção de cargo na empresa também pode não ser uma boa ideia quando a pessoa não está no momento profissional adequado para entregar o que a posição exige, ou mesmo quando está passando por um período pessoal conturbado e não conseguirá conciliar.

Quando não é uma área de seu interesse, aceitar também pode ser perigoso, pois não estará alinhado com os seus objetivos de carreira.

7. Comunique com transparência

Se decidir não aceitar, o profissional precisa ser transparente, justificando sua opção com embasamento. É preciso sinalizar ao seu gestor que essa realmente não é alternativa mais adequada no momento, explicando os motivos pelos quais adotou essa posição.

permalink | enviar por email
Atendimento via WhatsApp
Solicite mais informações

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu telefone (obrigatório)

Unidade Produtive de preferência (obrigatório)

Assunto (obrigatório)

Empresa (obrigatório)

Possui curso superior?

Cargo / Posição

Área de atuação

Objetivo

Último cargo ocupado

Linkedin

Anexar Currículo

Sua mensagem (obrigatório)

close
Contact us